Governo Federal cancela 57 doações para agricultura familiar; três em RO

FONTE: G1

Doações foram feitas pela Secretaria da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário entre julho e agosto de 2018. Motivo foi perda de validade.

O governo federal cancelou 57 doações feitas pela Secretaria da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário à municípios brasileiros entre julho e agosto de 2018. O Aviso de Cancelamento foi publicado no Diário Oficial no fim da última semana. A justificativa da pasta foi perda de validade.

Foram cancelados os termos de doações feitos para as cidades dos estados de Pará, Maranhão, Goiás, Mato Grosso, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Rondônia. Em Rondônia, Buritis, Ariquemes e Monte Negro foram os municípios prejudicados.

Cada um deles deveria receber do governo federal um trator agrícola novo para auxiliar em serviços de preparo de solo, transporte de insumos e beneficiamento. O objetivo era atender a agricultura familiar.

O prefeito de Monte Negro (RO), Evandro Marques, do DEM-RO, informou à Rede Amazônica por telefone que ficou surpreso com o cancelamento. Segundo ele, houve a assinatura do termo de doação no ano passado, mas o equipamento nunca chegou ao município.

O Secretário de Agricultura, Indústria e Comércio de Ariquemes, Evandro Leite, disse que foi informado sobre a doação do trator, mas não chegou a recebê-lo.

Informou ainda que “apesar de ser bom receber mais um maquinário, este não fará falta ao município, uma vez que a administração possui o suficiente para atender os produtores locais”. Até o fechamento desta matéria, a prefeitura de Buritis não repassou informações.

A assessoria da Secretaria da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, em extinção devido às mudanças estruturais nos ministérios no governo Bolsonaro, informou apenas que os termos foram cancelados porque perderam a validade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *