Brasil Maior, Brasil Mais Verde: CONAFER estabelece diretriz nacional para recuperação de áreas ambientais abandonadas

A CONAFER acredita que o conhecimento, antes de tudo, resulta da relação do homem com a natureza, marcada por relações sociais em condições históricas específicas e que essa relação deve ser respeitada, preservada e exaltada. Tendo em vista isso, através de uma ação iniciada no interior de São Paulo, tomamos como diretriz nacional a recuperação de áreas ecológicas negligenciadas pelo poder público.

Tudo começou quando um grupo de famílias da CONAFER e UNC de Itapetininga-SP identificaram que o Parque Ecológico Municipal Manoel Silvério, que já foi um centro de referência em biodiversidade e preservação, estava completamente abandonado. O descaso do poder público fez com que essa área verde preservada da Mata Atlântica ficasse a mercê de madeireiros e extrativistas ilegais, além de se tornar ponto de tráfico e uso de drogas.

Resultado de imagem para parque itapetininga manoel silverio

Tendo consciência da importância desse parque para a preservação do meio-ambiente na região, as famílias entraram na área e começaram a reformar o espaço, com o objetivo de reviver o centro de pesquisa que ali havia existido.

A ideia foi tomando forma e perspectivas e logo surgiu o projeto Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Socioambiental, ou CPD, um centro de estudos e preservação com o intuito de unir tecnologias e técnicas modernas a conhecimentos ancestrais e tradicionais dos povos e comunidades originárias de nosso país, os maiores preservadores da nossa natureza.

Por essa via, nossa proposta de educação-multidisciplinar, articula um olhar epistemológico que, além de não estabelecer fronteiras rígidas entre as áreas das Ciências da Natureza e Ciências Sociais, coloca o saber popular em diálogo como o saber científico. Portanto, essa perspectiva dilui possíveis antagonismos existentes nesses saberes e os coloca em regime de colaboração como partes complementares, constituintes do saber do educador.

O Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Socioambiental, propõe que os participantes, desenvolvam os seguintes Produtos Pedagógicos:
a) Social – envolve, portanto, a natureza, sociedade, grupos e classes sociais, movimentos sociais manifestações artísticas e culturais e outros. Podendo ser materializado em linguagens diversas, em eventos, intervenções sociais, instalações pedagógicas e produtos acadêmicos, tais como resenha, artigos, peças teatrais, dentre outros;
b) Político – envolve a sociedade política e a sociedade civil, o meio-ambiente, as políticas públicas, as ações instituintes e as diversas formas de intervenção popular, dentre outros. Podendo ser materializado em linguagens diversas, em eventos, instalações pedagógicas/artísticas, intervenções políticas, petições, manifestos e produtos acadêmicos;
c) Metodológico – diz respeito às diversas possibilidades de interpretação e intervenção da/na realidade. Pode se inscrever no meio-ambiente, bem como nos demais espaços de vida no campo. Podendo ser materializado em linguagens diversas, em eventos, instalações pedagógicas, materiais didáticos, intervenções educativas e produtos acadêmicos;
d) Científico/Tecnológico – pode ser tanto um artefato produtivo, pedagógico, experimental, quanto uma determinada sistematização teórica;
e) Projeto profissional – o participante será estimulado a pensar na sua atuação como agricultor no meio-ambiente, diante da realidade onde será inserido. O Projeto busca a inserção no mundo do trabalho de modo a potencializar a construção de um novo modelo de relação entre natureza, trabalhador rural e sociedade;

Tendo essa iniciativa como base, a CONAFER decidiu criar a diretriz nacional Brasil Maior, Brasil Mais Verde, que vem com a premissa de recuperação de espaços ecológicos e ambientais que estejam abandonados. A ideia é propor ao poder público que a CONAFER gerencie o espaço dando como contrapartida a preservação ambiental e a função social do lugar. Nossas bases no Brasil todo estarão em busca de locais assim, onde o governo negligenciou o meio-ambiente, nós entraremos para ajudar a preservá-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *