Em 2020, mesmo em ano de crise econômica e sanitária, segmento agrofamiliar não parou de produzir; para melhorar performance do setor, CONAFER se prepara para lançar produtos e serviços voltados aos associados em 2021

Para muitos é um ano para esquecer. Principalmente as famílias de quase 200 mil brasileiros mortos pela Covid-19. Também muitos brasileiros perderam seus empregos e renda. Foi um ano que surpreendeu a todos pela velocidade dos fatos, um cenário de guerra globalizado.

Mas mesmo em meio a tantos problemas e desafios de sobreviver em ambiente tão inóspito, com lockdowns e quarentenas permanentes nas 5,5 mil cidades do país, não faltaram alimentos na mesa dos brasileiros.

Foto: Região dos Vales

Enquanto o dólar mandava para o exterior grande parte da produção agrícola extensiva, nossos 36 milhões de agricultores seguiram intensivamente no trabalho diário de alimentar 73% da nação brasileira.

Os nossos agricultores uniram forças, foram resilientes nos momentos mais difíceis quando a pandemia exigiu uma série de cuidados na produção, foram criativos e milhares usaram o delivery para escoar seus produtos.

Sem as feiras e as dificuldade para expor os resultados das suas colheitas, muitos chegaram a perder toda a produção mesmo com uma elevada demanda. As dificuldades de logística já conhecidas no segmento ficaram ainda mais expostas.

Foto: Nova Mais

O resultado é que nos momentos mais cruciais, mesmo com todas estas dificuldades, os alimentos da agricultura familiar não deixaram de alimentar o país. Ao contrário, garantiram a nossa segurança alimentar.

CONAFER prepara uma série de ações no ano em que completa uma década

A Confederação vem trabalhando já há algum tempo para atuar em um cenário econômico de dificuldades ainda maiores em 2021. Viramos o ano ainda sob pressão da pandemia e de uma economia que busca investimentos para sair da crise.

A CONAFER tem objetivamente buscado recursos para o setor por meio do fomento do sistema financeiro, lançou em 2020 a sua plataforma digital para conectar agricultores de todo o território nacional, além de ter atuado na criação de uma Frente Parlamentar no Congresso objetivando dar representatividade política ao setor.

Às suas bases, a Confederação levou apoio e ampliou as suas relações com novas associações, por todas as fronteiras, em milhares de propriedades rurais, nas aldeias indígenas e nos quilombos. Uma das ferramentas foi a internet, o que possibilitou a criação de diversos grupos de trabalho, diversificando ainda mais as ações, como a Cultura dos Povos para obtenção de recursos da Lei Aldir Blanc, importante movimento cultural nascido dentro da CONAFER.

Para 2021, a CONAFER irá lançar uma série de produtos e serviços, tanto para os agricultores e associados ativos, como para os associados aposentados.

“Temos claramente o objetivo de levar recursos aos nossos produtores, mas também levar o conhecimento, valorizar ainda mais o empreendedor rural com produtos financeiros e de melhoria da produção, sempre na busca da sua autonomia e do desenvolvimento do país”, como ter afirmado Carlos Lopes, presidente da CONAFER.

A CONAFER ao completar 10 anos em 2021, deseja um tempo de muita fartura no campo, com safras de sucesso para todos os seus associados, e seguirá ao lado dos agricultores e suas famílias para ultrapassar os inúmeros desafios deste novo ano.

Matérias relacionadas