Pela Reforma Agrária, União Nacional Camponesa ocupa JBS, Odebrecht e Fazenda do Temer

FONTE: UNC

É dia de luta pela Reforma Agrária para a UNC que permanece ocupando a Fazenda do Temer, em Duartina.

 
Enquanto alguns manifestantes da UNC ocupam a Fazenda Esmeralda desde terça-feira (20), outro grupo efetua o bloqueio da estrada da Odebrecht, durante 3h, e ocupa a sede da JBS em São Paulo.

Segundo um dos integrantes do grupo, durante essa madrugada de quarta (21), o bloqueio da estrada da Odebrecht formou uma fila de cerca de 20km de carros e caminhões, onde só era permitido a passagem de ambulâncias, e foi reprimido por grande força policial.

Neste momento, para fortalecer as ocupações, outro grupo da UNC efetua uma ocupação no Mato Grosso do Sul.

Ainda assim, a ocupação tanto na Fazenda, quanto na JBS permanecem para pressionar o governo a negociar a Reforma Agrária, reivindicando assim mais políticas públicas destinadas aos pequenos agricultores.

 
 

União Nacional Camponesa invade Fazenda Esmeralda em Duartina

FONTE: JCNET
Duartina – Constantemente invadida nos últimos três anos, a Fazenda Esmeralda, em Duartina (38 quilômetros de Bauru), voltou a ser ocupada nesta terça-feira (20), desta vez por integrantes da União Nacional Camponesa (UNC), que reivindicam reforma agrária na região de Bauru.
No local estão aproximadamente 220 pessoas e mais estão a caminho, vindas de todo o Estado em cinco ônibus, informa a UNC. Conforme o JC vem noticiando desde 2016, a fazenda pertence ao coronel João Baptista Lima Filho, amigo do presidente Michel Temer (MDB). Esta foi a primeira vez que a UNC ocupou o local.
Anteriormente, a fazenda fora invadida pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), como foi registrado em maio de 2016, em julho de 2017 e em março deste ano.
Segundo o diretor da UNC, Marcos Amad, não há previsão para o grupo deixar o local.