A Fazenda “Usina Sociedade Açucareira Monteiro de Barros LTDA”, em Aruanã-GO, está inadimplente há muitos anos e acumulou uma monstruosa dívida com a União. Fato fácil de constatar no JusBrasil, onde é possível ver a fundo os diversos processos que envolvem a área. Massa falida, o território foi alvo fácil para a tomada ilegal de diversos posseiros no decorrer do tempo, a grande maioria deles PM’s aposentados.
Na quinta-feira, 30 de agosto, a área foi ocupada por 90 famílias ligadas a UNC e CONAFER e o Acampamento Vale do Araguaia foi fundado lá dentro. A reinvindicação é que a fazenda fosse encaminhada à Reforma Agrária para que sua função social fosse cumprida, como manda a Constituição.
Porém, menos de uma semana depois, a área se encontra bloqueada, cercada por jagunços e PM’s que seguem proferindo ameaças violentas a homens, mulheres e crianças que estão lá. Por conta disso, requisitamos com URGÊNCIA a presença de um representante da ouvidoria nacional do INCRA, de preferência o ouvidor nacional Jorge Tadeu Jatobá.
Viemos alertar sobre as ameaças e o iminente ataque dos bandidos fardados que tomaram a terra para eles de maneira criminosa e covarde. Nós não estamos na resistência, nós VIVEMOS na resistência! Em frente à qualquer investida dos jagunços e policiais sem nenhum tipo de mandato de reintegração de posse, avisamos que iremos para o tudo ou nada. Não teremos nosso sangue derramado sem lutar.

Compartilhe:

Assine a nossa newsletter
Fique por dentro de tudo que acontece aqui.

CONAFER - 2022