da Redação

Unir as bases de dados do segmento agrofamiliar e acelerar as ações da tecnologia da informação são algumas das ações do grupo de técnicos e especialistas que atuam em conjunto na montagem da plataforma virtual de acesso ao crédito; a previsão inicial é que o marketplace possa oferecer financiamentos a 100 mil pequenos produtores e empreendedores rurais

Desde a assinatura do termo de compromisso, a CONAFER montou uma equipe multidisciplinar para avançar no projeto atuando em conjunto com os especialistas da Serasa Experian.

O processo objetiva unir os ativos da representante de parcela significativa dos produtores de alimentos do país, aos ativos da empresa com a maior e mais completa base de dados do Brasil para análises de crédito. Levar o crédito privado aos produtores rurais é uma grande oportunidade de viabilizar o papel de protagonistas em seu desenvolvimento, como empreendedores que não dependem apenas do capital dos bancos públicos, como acontece historicamente, mas com a real chance de acessarem o capital por meio de recursos privados, capazes de alavancar os seus negócios e o seu bem-estar socioeconômico de forma definitiva.

“Bilhões em soluções” para dar autonomia ao segmento agrofamiliar

CONAFER e Serasa Experian vão levar bilhões em soluções financeiras para os milhões de camponeses, pescadores, lavradores, agropecuaristas, extrativistas, ribeirinhos, artesãos, quilombolas, indígenas, assentados e acampados espalhados por todo o território nacional.

Os financiamentos aos produtores serão disponibilizados por meio de um aplicativo, e que pode ser acessado pelo celular. São milhões de produtores que respondem por 10% do PIB e por mais de 70% do alimento consumido diariamente pelos brasileiros, que poderão obter financiamentos por meio de um shopping virtual de crédito voltado para o produtor familiar.

A previsão inicial é que o marketplace possa ofertar crédito a 100 mil agricultores familiares com informações e score alto, viabilizando e acelerando os empréstimos.

Com a plataforma pronta, teremos 20 instituições financeiras entre bancos, fintechs e bancos digitais ofertando crédito. A ideia é que a partir da elevação dos scores do agricultores (a nota que eles vão receber da Serasa Experian), sejam aprovadas as operações sem burocracia e sem a exigência de um projeto, como ocorre nas linhas oficiais.

Um dos objetivos é trocar a política de subsídio por investimentos reais do setor privado, levando crédito, serviços digitais e estrutura nas propriedades e nos pontos de venda dos pequenos produtores, isto é, garantindo autonomia e capacidade de se desenvolver com dignidade e com perspectiva de futuro.

Leia também no Serasa

Compartilhe:

Leave a Comment

Assine a nossa newsletter
Fique por dentro de tudo que acontece aqui.

CONAFER - 2022