da Redação
 
O Sisteminha Embrapa – Sistema de Produção Integrada Alternativa de Alimentos -, projeto ganhador do Prêmio Innovagro 2014, da Rede de Gestão de Inovação do Setor Agroalimentício – Rede Innovagro, no México, tem agora mais uma comunidade brasileira se beneficiando das suas vantagens. Júlio Cesar Chaves, coordenador da CONAFER e presidente da FAFER no Piauí, falou que a proposta de implantar o Sisteminha Embrapa em José de Freitas, 48km de Teresina, é uma grande vitória na busca permanente pelo desenvolvimento sustentável da agricultura familiar da região.

 
O projeto que o SAFER de José de Freitas implantou é o primeiro desta modalidade no Nordeste, e foi realizado a partir do Pronaf com 20 famílias da Comunidade Jacaré. “Foi um trabalho em parceria com o IFPI, Instituto Federal do Piauí, que ajudou na elaboração do projeto e ensinou aos agricultores como fazer o Sisteminha. Além da contribuição da EMATER que ajudou na emissão do DAP”, afirmou Júlio Chaves.
Sobre o Sisteminha de José de Freitas, cada tanque de peixe tem 10 mil litros de água ao custo de 700 reais por família. Com este valor, compra-se a bomba para fazer a filtragem da água e a oxigenação dos peixes, além do material para a sua construção: areia, brita e cimento. A mão de obra fica por conta da Comunidade. A capacidade de cada tanque é de 150 peixes, e em 4 meses os peixes já atingem uma média de 400g. Na época do verão com a escassez de água, o Sisteminha oferece as condições para uma alimentação de toda a família e a água do tanque é aproveitada para irrigar as plantas pela sua riqueza orgânica.

Com esta conquista, o SAFER de José de Freitas contribui para a soberania alimentar de toda a Comunidade Jacaré, cumprindo mais uma das atribuições da CONAFER no fomento da agricultura familiar no Brasil.

Leave a Comment