da Redação

Agora é oficial: o estado da Paraíba vai receber o maior programa de melhoramento genético da agricultura familiar brasileira. A cerimônia de lançamento e chegada do +Pecuária Brasil no estado, onde mais de 55% da atividade agrofamiliar é voltada para a pecuária de corte e leite, ocorreu na manhã desta segunda-feira 16 de agosto, na capital João Pessoa. Com mais de 1 milhão de cabeças, a Paraíba trabalha para qualificar e aumentar o seu rebanho. Por meio do programa +Pecuária, que surgiu da parceria entre a CONAFER e a líder mundial em inseminação artificial, a ALTA GENETICS, é possível ampliar esta perspectiva, pois o melhoramento genético é a melhor ferramenta para responder à demanda por produtos de alto valor agregado, sustentabilidade ambiental e fortalecimento de toda a cadeia produtiva da agropecuária familiar, gerando mais emprego e renda no campo. De acordo com dados do IBGE de 2019, nos estabelecimentos familiares paraibanos, apenas 16,8% recebem orientação técnica, 21% realizam controle de doenças e 19,8% realizam suplementação alimentar, sendo que as unidades familiares respondem por 57% do mercado bovino

Com a presença do governador da Paraíba, João Azevêdo, e do presidente da CONAFER, Carlos Lopes, além de outras autoridades do governo paraibano e parlamentares, foi oficializada a parceria com a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica para efetivar o programa +Pecuária Brasil no estado. O +Pecuária tem a duração de 4 anos para ocorrer o efetivo melhoramento genético. Neste período, a CONAFER fará a doação de 3 mil doses de sêmens anuais a cada estado brasileiro, 12 mil doses durante os próximos 4 anos, atingindo milhares de agropecuaristas familiares de todo o território nacional.

Para desenvolver o +Pecuária Brasil na Paraíba, os corpos técnicos da CONAFER e da ALTA GENETICS darão o treinamento de nivelamento dos técnicos da Secretaria de Agricultura de forma presencial. À secretaria, comandada pelo secretário Bivar Duda, caberá a definição de um corpo técnico para elaborar o plano de trabalho e implantar o +Pecuária Brasil por meio da seleção dos pecuaristas que tenham propriedades em boas condições sanitárias e nutricionais do rebanho.

Em sua história econômica, a consolidação dos primeiros núcleos urbanos do estado e de investimento nas atividades agrícolas, surgiu com o cultivo de cana-de-açúcar. Por sua posição geográfica, a Paraíba possui um clima predominantemente tropical do tipo semiárido, e o sertão paraibano é considerado uma das regiões mais secas do país.

Hoje, com 4 milhões de habitantes, a economia está ancorada nas atividades agrícolas e também nas indústrias de confecções e calçados. A pecuária é a principal atividade econômica do setor agrícola familiar, com mais da metade das propriedades rurais voltadas à bovinocultura.

A presença da Confederação onde tem agricultura familiar

Em seu discurso durante a cerimônia de assinatura do Acordo de Cooperação Técnica, o presidente da CONAFER, Carlos Lopes, lembrou que “temos atravessado esta pandemia com criatividade e vontade política, não desanimamos em perspectiva nenhuma porque somos agricultores, além de ter a responsabilidade de cidadãos, temos a responsabilidade de alimentar o país. Por isso, agradeço a todos os agricultores familiares do Brasil, e ao estado da Paraíba por receber este projeto, na pessoa do governador João Azevêdo, pela oportunidade de trazer o + Pecuária aos pecuaristas familiares paraibanos. E também temos que lembrar da importância do trabalho da Secretaria de Agricultura comandada pelo secretário Bivar Duda, que muito contribuiu na celebração dos termos deste ACT, e que viabiliza a chegada da tecnologia do melhoramento genético aos pecuaristas paraibanos.”

Ao final de sua fala, Carlos Lopes reafirmou a missão da CONAFER de estar ao lado dos produtores rurais: “assim, nossa Confederação mostra que está presente de fato na agricultura familiar brasileira, porque representar é estar presente, este é o papel da Confederação, estar presente dentro da cadeia produtiva executada pela agricultura familiar. Por isso, a Paraíba pode contar com a CONAFER, em todas as perspectivas.”

O governador da Paraíba, João Azevêdo ressaltou em seu discurso que “junto com a CONAFER, e por meio da Secretaria da Agricultura e do Desenvolvimento do Semiárido, conduzida por Bivar Duda, o +Pecuária Brasil é uma oportunidade de levar a qualificação aos rebanhos do estado com o melhoramento genético, principalmente para os pequenos produtores rurais. E este governo tem dado uma atenção muito especial aos agricultores familiares.”

Saiba mais sobre o +Pecuária Brasil

+Pecuária Brasil é + vantagens ao pecuarista agrofamiliar
A reprodução é um dos fatores que mais afetam a produtividade e a lucratividade de um rebanho. Uma fazenda com bom desempenho reprodutivo consegue produzir mais, vender mais e gerar mais lucro. Os produtores terão apoio técnico para o melhoramento genético do seu plantel por meio de inseminação artificial. Tudo sem custos durante 4 anos e com acompanhamento do gado inseminado neste período.

+Pecuária Brasil é + qualidade no rebanho
As doses, insumos e logística são de responsabilidade da CONAFER. A alta qualidade dos sêmens tem a garantia da empresa ALTA GENETICS, referência internacional em genética bovina. O programa trabalha com touros provados e acesso ao catálogo de raças da ALTA GENETICS, reduzindo as chances de doenças genéticas nos plantéis.

+Pecuária Brasil é + lucro no negócio
Com a melhora dos índices de reprodutividade, eleva-se a produção leiteira, a qualidade do gado de corte e a lucratividade final do produtor. A garantia de um rebanho certificado aumenta o valor do produto final, melhora a comercialização e cria perspectivas de futuro para o negócio.

+Pecuária Brasil é + tecnologia na produção
A tecnologia da inseminação artificial atua no aumento de produção de arrobas por hectare, no tamanho da carcaça, na fertilidade, na eficiência alimentar, na resistência a doenças. Em resumo: o melhoramento genético diminui o custo e aumenta a produção. Um software de Alta Gestão fará o gerenciamento da reprodução, melhorando a taxa de prenhez e os índices de reprodutividade. O sistema é online, e depois de alimentado com informações reprodutivas da fazenda, gera listas, gráficos e relatórios para tomadas de decisões de forma rápida e precisa.

+Pecuária Brasil é + sustentabilidade no campo
O melhoramento genético é a melhor ferramenta para responder à demanda por sustentabilidade ambiental. No mais positivo dos cenários, em relação ao desempenho, é possível ter o dobro de produção em metade das terras ocupadas atualmente pela bovinocultura. A produção sustentável garante mais lucros com menores custos, conserva os solos e os recursos hídricos, preserva a biodiversidade, possibilita o sequestro de carbono maior que a emissão de metano dos bovinos, além da pastagem com melhor qualidade nos períodos críticos do ano.

+Pecuária Brasil é + desenvolvimento para os estados
O programa integra-se às políticas públicas dos estados. Por meio de um Acordo de Cooperação Técnica com a CONAFER, os governos estaduais têm a oportunidade de fomentar o setor, melhorar as condições socioeconômicas dos pequenos produtores, gerar mais empregos, levar nova tecnologia ao campo e ampliar as receitas estaduais com o crescimento de toda a cadeia produtiva agropecuarista.

Compartilhe:

Assine a nossa newsletter
Fique por dentro de tudo que acontece aqui.

CONAFER - 2022