Bem Vindo a Confederação da Agricultura Familiar

da Redação

O município de 7 mil habitantes do Norte de Minas, conhecido por ser o lugar onde o grande médico Carlos Chagas descobriu a doença que leva o seu nome, ganha agora mais uma contribuição da ciência. Com o +Pecuária Brasil chegando em Lassance, o maior programa de melhoramento genético da pecuária familiar brasileira, inaugura um novo tempo na pecuária lassancense. Vizinha dos municípios de Várzea da Palma, Augusto de Lima e Buenópolis, Lassance está a 270 km da capital Belo Horizonte. No lançamento do programa em transmissão online nesta sexta 11h, o prefeito Paulo Elias Rodrigues e o vice-presidente da CONAFER, Tiago Lopes, reafirmaram o acordo de cooperação técnica que vai levar milhares de doses de sêmen aos pequenos produtores da cidade, e que vão desenvolver ainda mais a bovinocultura familiar de uma região com tradição na agropecuária

Neste 5 de outubro foi oficializada a parceria CONAFER e Lassance para efetivar o programa +Pecuária Brasil no município. O +Pecuária tem a duração de 4 anos para ocorrer o efetivo melhoramento genético. Neste período, a CONAFER fará a doação de milhares de doses de sêmen aos agropecuaristas familiares lassancenses.

O programa de excelência reprodutiva de bovinos, surgiu da parceria entre a CONAFER e a líder mundial em inseminação artificial, a ALTA GENETICS, com os corpos técnicos das duas entidades entregando os insumos para os protocolos do sistema de IATF, a Inseminação Artificial em Tempo Fixo, além de realizar o treinamento de nivelamento dos técnicos de estados e municípios. À Lassance, caberá a definição de um corpo técnico para elaborar o plano de trabalho e implantar o +Pecuária Brasil por meio da seleção dos pecuaristas que tenham propriedades em boas condições sanitárias e nutricionais do rebanho.

Lassance recebeu o +Pecuária Brasil em evento online nesta sexta-feira 5 de outubro

Em sua história, Lassance inicialmente era uma região cortada por tropeiros, ligando lugares distantes como Montes Claros, Sabarabussu (Sabará), Diamantina e Coração de Jesus. Em 1850, um tropeiro chamado Liberato Nunes de Azevedo construiu os primeiros ranchos às margens do Córrego Maria Grande, hoje Córrego São Gonçalo. Em 1907, surgem as primeiras fazendas dedicadas à agropecuária e à extração de látex em seringueiras e, com a chegada da estrada de ferro, o desenvolvimento local foi impulsionado.

Hoje, Lassance tem como atividades econômicas básicas a extração de quartzo e de sempre-vivas, ao lado do cultivo de café, mandioca, milho, fumo e arroz. Há também áreas de reflorestamento com eucalipto para a produção de carvão vegetal e pecuária de corte. Na questão do turismo, Lassance conta com a Área de Proteção Ambiental da Serra do Cabral. A área conta com circuito turístico com várias cachoeiras e preserva exemplares de vegetação do cerrado. A região do município ainda abrange os rios São Francisco e das Velhas.

Lançamento online do +PECUÁRIA em Lassance contou com participação popular na Câmara de Vereadores

O prefeito Paulo Elias Rodrigues valorizou a oportunidade de levar tecnologia de ponta aos pecuaristas lassancenses

O prefeito Paulo Elias iniciou a sua fala agradecendo a presença de todos os vereadores, técnicos da prefeitura e produtores. O prefeito destacou: “desde quando conheci a CONAFER e o programa +Pecuária, entendi que os seus benefícios se encaixariam perfeitamente na realidade do município. Entendi que esse programa foi criado sob medida para a nossa população rural, especialmente os nossos pequenos produtores. A gente está plantando uma semente, iniciando um trabalho que eu tenho certeza absoluta que será um trabalho que trará frutos, e frutos em abundância. Esse trabalho que a gente inicia hoje aqui, será um programa que daqui a 5, 10 anos, certamente mudará para melhor a nossa agricultura familiar.”

O vice-presidente da CONAFER, Tiago Lopes, agradeceu a oportunidade de levar mais um lançamento do +Pecuária Brasil, e destacou a coragem da gestão mesmo sabendo de todas as dificuldades assumiram esse compromisso. Tiago Lopes afirmou que “juntando tudo o que foi dito pelas autoridades de Lassance, o que o representante da Emater falou, e a coragem do prefeito Paulo Elias, de buscar esse projeto junto a CONAFER com transparência, será possível levar para Lassance este projeto inovador, deixando um legado para o desenvolvimento da pecuária familiar do norte mineiro.”

Vice-presidente da CONAFER, Tiago Lopes, representou a entidade no lançamento online

+PECUÁRIA BRASIL é o salto de qualidade da pecuária agrofamiliar brasileira

Em parceria com a líder mundial na tecnologia de inseminação artificial, a ALTA GENETICS, a CONAFER criou o programa + Pecuária Brasil para o desenvolvimento dos rebanhos bovinos de corte e leite em todo o país, contribuindo decisivamente para o crescimento socioeconômico dos pecuaristas agrofamiliares brasileiros.

O programa tem a duração de 4 anos para ocorrer o efetivo melhoramento genético. Neste período, a CONAFER fará a doação de sêmens aos pequenos pecuaristas de estados e municípios, atingindo milhares de produtores em todo o território nacional.
Para desenvolver o +Pecuária Brasil nos estados e municípios, os corpos técnicos da CONAFER e da ALTA GENETICS darão o treinamento de nivelamento dos técnicos das secretarias de forma presencial.
Às secretarias de estado e municípios caberá a definição de um corpo técnico para elaborar o plano de trabalho e implantar o +Pecuária Brasil por meio da seleção dos pecuaristas que tenham propriedades em boas condições sanitárias e nutricionais do rebanho.

Os benefícios do +Pecuária BrasilVantagens ao pecuarista

Vantagens ao pecuarista
A reprodução é um dos fatores que mais afetam a produtividade e a lucratividade de um rebanho. Uma fazenda com bom desempenho reprodutivo consegue produzir mais, vender mais e gerar mais lucro.
Os produtores terão apoio técnico para o melhoramento genético do seu plantel por meio de inseminação artificial. Tudo sem custos durante 4 anos e com acompanhamento do gado inseminado neste período.

Qualidade no rebanho
As doses, insumos e logística são de responsabilidade da CONAFER. A alta qualidade dos sêmens tem a garantia da empresa ALTA GENETICS, referência internacional em genética bovina.
O programa trabalha com touros provados e acesso ao catálogo de raças da ALTA GENETICS, reduzindo as chances de doenças genéticas nos plantéis.

Lucro no negócio
Com a melhora dos índices de reprodutividade, eleva-se a produção leiteira, a qualidade do gado de corte e a lucratividade final do produtor.
A garantia de um rebanho certificado aumenta o valor do produto final, melhora a comercialização e cria perspectivas de futuro para o negócio.

Tecnologia na produção
A tecnologia da inseminação artificial atua no aumento de produção de arrobas por hectare, no tamanho da carcaça, na fertilidade, na eficiência alimentar, na resistência a doenças. Em resumo: o melhoramento genético diminui o custo e aumenta a produção.
Um software de Alta Gestão fará o gerenciamento da reprodução, melhorando a taxa de prenhez e os índices de reprodutividade. O sistema é online, e depois de alimentado com informações reprodutivas da fazenda, gera listas, gráficos e relatórios para tomadas de decisões de forma rápida e precisa.

Sustentabilidade no campo
O melhoramento genético é a melhor ferramenta para responder à demanda por sustentabilidade ambiental. No mais positivo dos cenários, em relação ao desempenho, é possível ter o dobro de produção em metade das terras ocupadas atualmente pela bovinocultura.
A produção sustentável garante mais lucros com menores custos, conserva os solos e os recursos hídricos, preserva a biodiversidade, possibilita o sequestro de carbono maior que a emissão de metano dos bovinos, além da pastagem com melhor qualidade nos períodos críticos do ano.

Desenvolvimento para estados e municípios
O programa integra-se às políticas públicas de estados e municípios. Por meio de um Acordo de Cooperação Técnica com a CONAFER, o governo estadual tem a oportunidade de fomentar o setor, melhorar as condições socioeconômicas dos pequenos produtores, gerar mais empregos, levar nova tecnologia ao campo e ampliar as receitas estaduais com o crescimento de toda a cadeia produtiva agropecuarista.

Leave a Comment

Assine a nossa newsletter
Fique por dentro de tudo que acontece aqui.